A Hipertensão é usualmente chamada de pressão alta e ocorre por vários motivos, principalmente pela contração dos vasos sanguíneos, acomete 1 em cada 4 pessoas adultas. É responsável por 40% dos infartos, 80% dos derrames e 25% dos casos de insuficiência renal terminal.

As graves consequências da pressão alta podem ser evitadas, desde que os hipertensos conheçam sua condição e mantenham-se em tratamento com adequado controle da pressão. Esta patologia não tem cura, e deve ser tratada para impedir complicações. A maioria das pessoas afetadas pode reduzir sua pressão arterial através de tratamento não farmacológico, por meio de medidas gerais de reeducação, também conhecidas como modificações no estilo de vida:

  • meça sua pressão arterial regularmente;
  • tenha uma alimentação saudável;
  • pratique atividade física;
  • diminua a quantidade de sal na comida;
  • não utilize saleiro à mesa;
  • não acrescente sal no alimento depois de pronto;
  • diminua o consumo de bebidas alcoólicas;
  • não fume;
  • controle o estresse (nervosismo/ansiedade);
  • se utilizar medicamentos, tome as medicações conforme a orientação médica.

Se tiver qualquer dúvida sobre o medicamento, converse com seu médico e compareça às consultas regularmente.
Lembre-se é muito importante que não abandone o tratamento!

Mariana Macena | Nutricionista CRN 10 6183
Referência: Sociedade Brasileira de Hipertensão – disponível em https://www.sbh.org.br/ acesso em 24/04/2017.

Qualirede